Governo apresenta critérios para criação da Região Metropolitana de Feira » Política » Notícias » Infocultural

Governo apresenta critérios para criação da Região Metropolitana de Feira

Política - 14/06/2011

Os critérios definidos pelo Governo Estadual da Bahia para a criação da Região Metropolitana de Feira de Santana foram apresentados aos deputados estaduais Carlos Geilson (PTN), Targino Machado (PSC) e Graça Pimenta (PP), em reunião na Casa Civil, na tarde desta segunda-feira (13). 

Segundo dados apresentados pelo Secretário de Relações Institucionais, Cézar Lisboa, o líder de governo na Assembléia Legislativa, José Neto, o coordenador de assuntos administrativos da Casa Civil, Tarcízio Menezes, e o assessor especial do governador Jaques Wagner, Éden Valadares, para serem integrados a RM os municípios devem ter população urbana igual ou superior a 50% da população total, participação igual ou superior a 4% no PIB do estado, serem limítrofes e terem fluxo de relação comercial e de movimento pendular com a cidade sede. 

Com isso, a Região Metropolitana será integrada por Feira de Santana, Amélia Rodrigues, Conceição da Feira, Conceição do Jacuípe, Tanquinho e São Gonçalo dos Campos. Lisboa explicou que esta será a composição inicial e que posteriormente outros 10 municípios serão abrangidos pelo processo de expansão. São eles: Coração de Maria, Santa Bárbara, Anguera, Antônio Cardoso, Irará, Candeal, Ipecaetá, Santanópolis, Serra Preta e Riachão do Jacuípe. “É necessário que a criação da RM atenda critérios para evitar que haja uma febre de regiões metropolitanas no estado”, afirmou o secretário. 

Para Carlos Geilson, o ideal seria que a RM englobasse os 16 municípios no primeiro momento. Porém, ele acredita que a criação, mesmo atendendo aos critérios estabelecidos, que do seu ponto de vista não são satisfatórios, já é um avanço. “O importante é que ela seja criada e que venha a abranger os demais municípios”, frisou. 

A Casa Civil tem até esta terça-feira (14) para concluir o projeto de criação da Região Metropolitana de Feira de Santana e apresentar ao governador Jaques Wagner para avaliação. Na quinta-feira (16), o projeto será apresentado em Feira de Santana, durante a sessão itinerante da Alba, que será realizada a partir das 14 horas, no Centro de Cultura Amélio Amorim.

Aloísio Araujo - Assessoria de Imprensa
© Todos os direitos reservados. 2014.
Email: infocultural@infocultural.com.br
Painel Administrativo