Feira perde Jornalista Socorro Pitombo » Especiais » Notícias » Infocultural

Feira perde Jornalista Socorro Pitombo

Especiais - 10/01/2022
Feira perde Jornalista Socorro Pitombo Crédito: Divulgação

A comunidade de Feira de Santana perde a jornalista Socorro Pitombo, uma das maiores expoentes do município. Socorro teve atuação marcante, com passagens em diversos órgãos, como UEFS, FTC, além de ser uma colaboradora deste Infocultural, nos trazendo luz e dividindo experiências, dignas de sua grandeza. Entidades, políticos e personalidades, compartilhando o sentimento de luto da família, expressam o seu pesar. 


Prefeito Municipal lamenta morte


Neste momento de dor, o prefeito Colbert Martins Filho, em nome da administração municipal, se solidariza com os familiares, amigos e expressa as mais sinceras condolências pela perda, ratificando os agradecimentos pela sua dedicação ao jornalismo feirense. 


Secretário de Comunicação também se solidariza


O secretário de Comunicação Social de Feira de Santana, Edson Borges, lamenta com grande pesar o falecimento da jornalista Socorro Pitombo, ocorrido na manhã deste domingo (9) em decorrência de problemas cardiorrespiratórios, após internação por procedimento cirúrgico. Ela tinha 78 anos e deixa três filhos.


"Minha solidariedade aos amigos e familiares neste momento de dor. Tive a honra de ser colega de profissão da grande jornalista Socorro Pitombo. Era uma profissional exemplar, ética e também muito comprometida com o que fazia. Foi uma das figuras marcantes no histórico do Jornal da Bahia", lamentou Edson Borges.


Angelo Almeida apresenta Moção de Pesar pelo falecimento da jornalista Socorro Pitombo 


Como gesto de solidariedade à família e amigos, o deputado estadual Angelo Almeida (PSB) apresentou Moção de Pesar na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), pelo falecimento da jornalista feirense Socorro Pitombo, aos 78 anos, ocorrido neste domingo (9). Ela estava internada no Hospital da Bahia, em Salvador, em decorrência de problemas cardiorrespiratórios, chegou a passar por cirurgia, mas não resistiu. 

Socorro Pitombo consolidou-se como uma grande referência jornalística em Feira de Santana e região, passou pela redação de muitos jornais e pelas assessorias de comunicação da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) e da UniFTC. Educação, doçura e gentileza eram algumas das fortes características que marcaram sua vida profissional e pessoal, tornando-a uma figura admirada e bem quista. 

"Aos familiares - em especial aos seus filhos Renata, Lara e Raphael Pitombo, e aos seus amigos e colegas de profissão, deixo não apenas como deputado, mas também como grande admirador, o meu mais sincero voto de pesar. Com sua generosidade, Socorro deixou ensinamentos para o jornalismo feirense que são como sementes e a manterá viva entre nós. Ela tinha um jeito muito especial de fazer jornalismo, que continuará servindo de exemplo.", frisa Angelo.


UEFS e FTC expressam seu pesar


A UEFS e a Uniftc também publicarm notas de pesar, lamentando a perda  para a comunidade feirense, com o seguinte teor:


"É com pesar que a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) comunica o falecimento da jornalista Socorro Pitombo, servidora aposentada da Uefs.


Com mais de quatro décadas de jornalismo, Socorro Pitombo foi por muitos anos jornalista da Uefs, do Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca) e também Assessora Chefe da Ascom da Uefs.


O corpo da jornalista será velado no Centro de Velórios Pax Bahia, no bairro SIM e o sepultamento está marcado para às 11:00h desta segunda-feira (10), no Cemitério Piedade, no Centro da cidade.

A Uefs se solidariza com a família, amigos e colegas de profissão da jornalista Socorro Pitombo e reitera o apoio neste momento de dor e tristeza."


"A Rede UniFTC lamenta com pesar o falecimento da jornalista Socorro Pitombo, ocorrido neste domingo, em Salvador.

Em tempo, a Instituição ressalta a dedicação, a competência e a postura ética como qualidades que marcaram a trajetória da reconhecida jornalista que fez história em Feira de Santana, onde se tornou uma grande referência.

A primeira jornalista feirense deixa um grande legado, com destaque pela sua atuação na UniFTC e na UEFS.

A estimada Socorro Pitombo compartilhou conosco uma bela convivência, característica de um ser humano de enorme valor, a sua grande marca. Fazia jornalismo com muito amor.

À família enlutada, manifestamos os nossos sinceros sentimentos.

Rede UniFTC"


Ex-reitor da UEFS professor Josué Melo presta condolências


O ex-reitor da UEFS e ex-diretor geral da FTC, em entrevista ao portal Soterópolis Notícias, relembra a convivência: "Eu tenho que agradecer a Deus , pela vida dessa grande profissional , dessa amiga sincera, que só usou a vida, para servir bem e com idealismo, procurando contribuir para as boas causas, uma vida abençoada, graças a Deus por ela e pela oportunidade que tivemos de conviver com ela, foi uma felicidade para todos nós"




© Todos os direitos reservados. 2014.
Email: infocultural@infocultural.com.br
Painel Administrativo