Projeto que leva presos para a escola vai ser comemorado nesta quarta » Especiais » Notícias » Infocultural

Projeto que leva presos para a escola vai ser comemorado nesta quarta

Especiais - 26/10/2010
Projeto que leva presos para a escola vai ser comemorado nesta quarta O projeto educativo ajuda os presos de bom comportamento - Foto: Teia de Notícias

 

Um projeto realizado no Presídio Regional de Feira de Santana está ajudando os presos de bom comportamento a estudarem e a retornarem para a sociedade melhor preparados. Com a ajuda de voluntários 120 detentos vão diariamente para as salas de aula e podem também sair mais cedo da prisão.  Os presos que participam das aulas de alfabetização de jovens e adultos e do ensino médio reduzem um dia de pena a cada três dias de presença nas aulas.

É o Projeto Amigos da Escola que tem como realizadores o Colégio Estadual Paulo VI e a Coordenação de Atividades Educacionais e Laborativas do Conjunto Penal de Feira de Santana (CPFS). Os trabalhos contam com dez salas de aula e 18 professores que atuam no colégio anexo do presídio.

Este ano o Projeto já ajudou a trazer bons frutos: cinco alunos detentos ficaram com nota acima da média No Enem – Exame Nacional do Ensino Médio - e outros estudantes também conseguiram bons resultados na primeira etapa das Olimpíadas de Matemática no ano passado.

As atividades do Amigos da Escola do Conjunto Penal de Feira e seus resultados serão apresentados no dia 27 de outubro durante um evento que vai contar também com a presença do superintendente de assuntos penais da Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, Isidoro Orge Rodriguez e do diretor do presídio Edmundo Memeri Dumet, além de professores e outros convidados. Durante toda à tarde desta quarta-feira, voluntários, professores e alunos detentos vão receber convidados e participarem de palestras, apresentações teatrais, de músicas entre outras atividades.

Reflexos positivos - O projeto agrega vários outros reflexos positivos, especialmente por manter os presos nas salas de aula. Além disso, busca valorizar o envolvimento de parceiros no projeto educacional dos detentos e conta com a participação de agentes penitenciários, professores e servidores que ajudam a conscientizar, motivar e integrar os presos na escola. “A idéia é fazer com que mais pessoas participem do projeto e possam ajudar na educação dos presos e assim qualificá-los para o retorno a sociedade”, observa o coordenador de Atividades Educacionais e Laborativas do Conjunto Penal, Nilson Sérgio de Brito Ribeiro.

O Amigos da Escola do Conjunto Penal de Feira também visa à reintegração social dos detentos através de ações que valorizam a criatividade. Além das aulas regulares eles participam de oficinas de arte, música, teatro, dança e literatura de cordel. As atividades, de acordo com a diretora do colégio Ana Verena Amorim, criam mecanismos para o resgate da cidadania dos presos estudantes. “Eles passam a ver o conhecimento como forma de transformar a sua própria realidade”.

Mas a educação dos detentos não seria tão vitoriosa se não fosse a ajuda dos voluntários. Eles são responsáveis por, entre outras coisas, motivar os alunos nos estudos e nas diversas atividades do projeto. Proporcionar a educação para os detentos e contar com a ajuda de voluntários no Projeto Amigos da Escola é o caminho para diminuir a população nos presídios, na visão do professor de história Reginaldo Santos. “É preciso investir mais na educação também nos presídios para evitarmos o retorno dos presos para os conjuntos penais”, enfatiza.

As aulas do Curso de Formação de Jovens e Adultos privados de liberdade têm uma estrutura curricular diferenciada. Uma vez por mês os professores participam de videoconferências e debatem temas onde também socializam as experiências em sala de aula. Uma oportunidade também de mudança para professores como a professora de História Severiana Fadigas. “Acreditamos que com nosso trabalho podemos mudar a realidade dos presos e resgatá-los para a sociedade”. 

Programação

Dia 27.10.2010

Onde: Auditório interno do Conjunto Penal de Feira de Santana

Abertura

13h30minh

* Participação do Superintendente de Assuntos Penais, Isidoro Orge

* Palestra “Todos juntos somos fortes” pelo bacharel em Administração Alex Barreto Cosmo

* Apresentação da peça teatral “O Pagador de Promessa”, com a turma do projeto Parada Litero-Teatral.

* Apresentação da peça teatral com agentes femininas

* Sarau com agentes femininas

* Atração musical com a Banda Clube dos Patifes

* Sorteio de Prêmios

* Apresentação de coral de professores do Colégio Paulo VI

Rose Leal - Assessoria de Imprensa
© Todos os direitos reservados. 2014.
Email: infocultural@infocultural.com.br
Painel Administrativo