Produtores de Humildes começam curso do Negócio Certo Rural » Economia » Notícias » Infocultural

Produtores de Humildes começam curso do Negócio Certo Rural

Economia - 17/02/2020

Produtores rurais do distrito de Humildes começaram nesta sexta-feira, 14, o curso Negócio Certo Rural (NCR) promovido pelo Programa Agronordeste Bahia. A primeira turma, formada por 30 produtores, iniciou o módulo I e está aprendendo noções de negócio para transformar sua produção em renda para família.

A primeira etapa do curso é dividido em três módulos, cada um de 16h. São orientados por técnicos do CNA/SENAR (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil/Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) sobre gerência rural. A implantação de uma ideia de negócio dentro da propriedade rural, de acordo com o produto em potencial da região.

No caso de Humildes, foram selecionados os produtores rurais da cadeia da mandioca. Durante o curso eles irão identificar cada perfil (se trabalha com a venda direta da mandioca ou produção de alimentos derivados da raiz) e potencializar com os recursos disponíveis.

“O programa tem o objetivo de fazer com que eles tenham um pensamento profissional de como gerir a ‘empresa rural’ com planejamento. De acordo com o perfil de cada um”, explica a instrutora Alessandra Torres.

Na segunda etapa, cada produtor rural terá direito a 3h de consultoria particular com engenheiros agrônomos credenciados no programa. Toda tecnologia disponível será apresentada para eles. Após esse processo, durante dois anos, os produtores receberão assistência do programa.

O Curso Negócio Certo Rural é fruto de uma parceria da Prefeitura de Feira de Santana, Governo Federal, CNA/SENAR e o Sindicato dos Produtores Rurais de Feira de Santana. O secretário de Agricultura do Município, Mário Borges, explicou que o trabalho retoma um projeto que foi abandonado pelo governo estadual e é de fundamental importância para o pequeno produtor da zona rural.

“Essa é uma experiência única. O morador do campo muitas vezes não tem noção de como plantar. E plantar com assistência técnica é plantar melhor. É plantar para dar uma qualidade de vida melhor para todos nós”, afirma a presidente da Associação Comunitária do Campestre, Zenilda Oliveira Santos.

Secom/PMFS
© Todos os direitos reservados. 2014.
Email: infocultural@infocultural.com.br
Painel Administrativo