Poesia: A COVA DOS LEÕES VII » Poesia » Cultura » Infocultural

Poesia: A COVA DOS LEÕES VII

Poesia - 07/06/2018

Avermelharam meu coração

Com pedaços de bandeiras

De sonhos alheios.

Engravidaram meus sonhos

Com luzes que brilham

Na esperança dos outros.

Arrumaram meu porto de partida

Pediram mil desculpas

E me chamaram de multidão.

E assim, grávido de estrelas

Que cantam e dizem sim

E que sabem dizer não

Eu fui ocupar os corações

Feitos de metais pedagógicos

Que cantam prá libertar.

 

GENALDO DE MELO

Genaldo de Melo
© Todos os direitos reservados. 2014.
Email: infocultural@infocultural.com.br
Painel Administrativo