Dueto » Poesia » Cultura » Infocultural

Dueto

Poesia - 09/01/2018

Escuto em silêncio, deus
perfura-me os tímpanos.

(Nasci com gana de urso
e patas contra o destino).

Silêncio: que este deserto
 margeia as praias de um grito.

(E o deus sou eu pelo avesso
no centro oco dos mitos).

Roberval Pereyr

Roberval Pereyr
© Todos os direitos reservados. 2014.
Email: infocultural@infocultural.com.br
Painel Administrativo