Para Cobriinha » Poesia » Cultura » Infocultural

Para Cobriinha

Poesia - 23/07/2017

a última ilusão das águias

se foi

nas asas do poeta

(o antigo murmúrio do mundo)

agora

restam nas arestas

o cheiro mórbido dos vencidos

 

a populaça se azucrina

nas quebradas da rua

e os rapazes

envoltos em camisas de cetim

já não acreditam mais

 

resta a nós, amigo

soçobrar de vingança

e dormitar nos prados esquecidos 

 

Helio Pôrto

© Todos os direitos reservados. 2014.
Email: infocultural@infocultural.com.br
Painel Administrativo